Posicionamento da Anepac Frente à Greve dos Caminhoneiros

Posicionamento da Anepac Frente à Greve dos Caminhoneiros

 

A Associação Nacional das Entidades de Produtores de Agregados para Construção (ANEPAC) vem manifestar apoio às medidas tomadas pelo governo federal para pôr fim à greve dos caminhoneiros que se prolonga desde o dia 21 de maio de 2018.

É importante ressaltar que o setor de agregados vem sofrendo, desde o ano de 2013, contínuas quedas de produção decorrentes da séria crise econômica que se instalou no País. Uma produção de 745 milhões de toneladas de areia e pedra britada em 2013, foi reduzida a 497 milhões de toneladas em 2017, ou seja, uma queda de 33%. Esta queda abrupta criou grandes problemas para as empresas que vinham investindo fortemente. Elas tiveram que se adequar à realidade demitindo e reduzindo investimentos.

O setor tinha boas expectativas para este ano, aguardando a retomada dos investimentos em infraestrutura e moradia, mas, como vários setores, foi atropelada pelo atual movimento dos caminhoneiros. Houve uma queda de 95% na entrega diária de areia e pedra britada (agregados para construção), produtos tão essenciais quanto alimentos e medicamentos, já que sem eles não há construção civil, nem manutenção de obras públicas e privadas. De mais de 1,5 milhão de toneladas de agregados entregues diariamente em obras e depósitos de materiais de construção, hoje se consegue entregar menos de 100 mil toneladas devido à falta de combustíveis e bloqueios injustificados. As mais de 3 mil empresas produtoras de areia e brita do país que empregam diretamente 70 mil pessoas estão sendo fortemente afetadas.

Julgamos que muitas das reivindicações dos caminhoneiros eram justas e houve boa vontade das autoridades para atendê-las. Com as conquistas que obtiveram, seria natural que o movimento acabasse, mas aproveitadores e pessoas que querem impor suas visões políticas radicais estão impedindo a retomada da normalidade.

À luz dessas considerações, torna-se necessário que o bom senso impere. Caso isto não aconteça, é necessário que as autoridades se posicionem efetivamente para restabelecer a ordem o mais rápido possível, evitando o caos, que somente interessa a radicais, e trazendo paz e tranquilidade à população brasileira.

Mais Notícias

Publicidade

Associe-se

Conheça as vantagens para se tornar um associado da ANEPAC.

Cadastre-se

Acompanhe as novidades e ações da ANEPAC.